produtos forever - a base de aloe vera mais saúde em sua mesa. visite no endereço:

http://www.toni-forever.blogspot.com

segunda-feira, 8 de março de 2010

ITENS NOTICIOSOS - A "CRISE GLOBAL"

Itens Noticiosos
A “Crise Global”
◆ Está melhorando em geral o meio-ambiente mundial? Não, segundo um artigo num número recente de BioScience: “O impacto da crise do meio-ambiente . . . varia de cultura em cultura, de nação em nação, de lugar em lugar; mas, juntos, tais impactos assumem proporções de uma crise global. Os sintomas, tanto ecológicos como sociais, são patentes em quase todo país da terra: a poluição do ar e da água, a poluição química das cadeias alimentares, a decomposição das cidades, a escassez de víveres e a fome crônicas, crescentes abusos de tóxicos e alcoolismo, avolumantes índices de delinqüência juvenil, de crimes e de suicídios, e um senso de desespero que transcende as fronteiras nacionais e os sistemas políticos. Não obstante, as enormes dimensões da crise do meio-ambiente . . . tornam difícil que percebamos a natureza do problema e suas causas, para não se mencionar as soluções.”
São Roubadas as Obras de Arte dos Museus
◆ John D. Cooney, autoridade internacional e curador de artes antigas do Museu de Cleveland, EUA, uma das principais instituições de arte do mundo, confessa que “95% do material de arte antiga deste país foi contrabandeado para cá”. Revela ainda mais: “A menos que seja míope e não seja muito inteligente, tem de saber que grande parte da arte antiga que existe aqui é roubada.” Quanto à entrada ilegal de objetos de arte nos Estados Unidos, observou: “Mesmo que eu saiba que é ‘quente’, não me posso preocupar com isso. Se os museus deste país começassem a enviar de volta todo o material contrabandeado para os seus países de origem, as paredes dos museus ficariam nuas.”
Revólveres nas Escolas
◆ As autoridades das escolas públicas por todos os EUA afirmam que estão preocupadas com o aumento do número de estudantes que portam revólveres nos corredores, salas de aula e nos pátios escolares. No ano de 1972, houve sessenta incidentes com revólveres nas escolas de Los Angeles. Nova Iorque, Detroit, Atlanta, a Cidade de Kansas e outras cidades relatam um aumento nos incidentes entre estudantes que portavam revólveres. “Nós temos um problema e está aumentando”, disse Everest Copeland, encarregado da segurança nas escolas da Cidade de Kansas. “Os garotos portam revólveres por diferentes razões. Alguns afirmam terem sido ameaçados. Alguns se envolvem em tentativas de extorsão. Outros afirmam apenas que é símbolo de sua condição.” James Kelly, diretor de seminários sobre segurança nas escolas da Associação Internacional de Chefes de Polícia, declarou: “Não há dúvida quanto ao aumento. Há milhares de armas baratas nas ruas. Os garotos podem obtê-las com facilidade. Estes garotos definitivamente já saíram do estágio do revólver calibre 22 de fabricação doméstica.” Quanto a onde é que os jovens obtêm a idéia de andar armados, Van Turner, subadministrador da segurança das escolas em Nova Iorque, responde: “Os garotos vêem revólveres em casa, vêem pessoas que portam revólveres a todo o tempo, e tais garotos vão carregar revólveres também.”
Crise do Clero Francês
◆ O sacerdócio católico-romano em França se acha em estado crítico. Segundo certo relatório apresentado à assembléia anual da Conferência dos Bispos Franceses em Lurdes, os seminários maiores tinham 5.729 estudantes em 1963. Em 1971, esse número se reduzira em 47 por cento, para 2.840. Nestes oito anos, as inscrições de novos estudantes nos seminários caíram 61 por cento, para 354. O número de sacerdotes ordenados anualmente caiu de 573 para 237. As mortes excederam as ordenações em 465, em 1970, e, adicionalmente, 200 sacerdotes deixaram a profissão. O bispo de Bordeaux, comentando a crise clerical, afirmou: “O que se acha em questão é o próprio conceito do sacerdócio.”
Responsabilidade Pelo Derramamento de Sangue
◆ Um artigo do escritor John Wainwright, em The Northern Echo, jornal publicado na Inglaterra, acusa o clero de derramar sangue na Irlanda. Declara ele: “Que todo clérigo na Irlanda do Norte compreenda uma coisa — que compreenda por fim e de forma inequívoca — que, em última análise, ele (pessoalmente) é responsável por toda gota final de sangue inocente derramado neste entrevero repulsivo, sectarista. Não são as tropas — nem os políticos — nem mesmo o IRA ou a UDA — mas . . . é o sujeito que usa colarinho clerical. Porque, se ele tivesse cumprido suficientemente bem a sua tarefa — se tivesse pregado um pouco mais de amor, um pouco mais de tolerância e muito menos fanatismo — as pessoas talvez tivessem ouvido . . . e tudo isto não teria acontecido!”
A Terra É o Lar do Homem
◆ V. Sevastyanov, o piloto-cosmonauta russo, comentou recentemente na revista Yunost sobre seu vôo na Soyuz-9. Ele discute os efeitos da imponderabilidade e então conclui: “O homem realmente é filho da terra! Sente vividamente a falta dos vínculos terrestres. Sua memória sempre volta a eles, e quanto mais longo o vôo, tanto mais agudamente ele sente a necessidade de reproduzi-los, pelo menos mentalmente. Os vínculos terrestres do cosmonauta se tornam lindamente preciosos para ele . . . Nosso planeta azul é surpreendentemente lindo, mas é também notavelmente pequeno.” Afirma Sevastyanov: “Lembro-me de quão emocionado fiquei com o cantar dos pássaros quando os ouvi pela primeira vez depois do vôo” na Soyuz-9.
Fibras no Nervo Ótico
◆ Uma equipe de pesquisadores médicos da Universidade de Chicago e do Laboratório Nacional Argonne usaram um processador computarizado de imagens para contar o número de fibras no nervo ótico humano. Relataram 1.200.000 fibras nervosas. Foram perscrutas cerca de 500 fotomicrografias duma seção transversal do nervo. Certo médico chama a seção do nervo ótico que leva as imagens do meio da retina a parte “mais ocupada” do olho, dispondo das fibras mais densamente amontoadas.
Diminui o Crime?
◆ Recentemente, certas autoridades governamentais e policiais dos EUA afirmaram que o crime estava diminuindo. No entanto, The Wall Street Journal, em editorial, comentou sobre “cidades em que seus cidadãos, sofrendo da mentalidade de sítio, sentem medo de sair de casa até mesmo de dia”. Declarava que “apesar da recente oratória política e de incrementadas forças policiais, os assaltos pelas costas, amiúde assaltos brutais, são ocorrências diárias nas grandes cidades dos EUA. E balear as vítimas de roubos não é nada incomum. O fato infeliz é que a sociedade falhou em convencer os criminosos de que o crime não compensa. Deveras, vários peritos . . . apresentam conclusões preliminares de que grande parte dos crimes pode ser explicada pelo simples fato de que o crime deveras compensa. Compensa porque o criminoso mediano não mais receia ser punido, mesmo que seja apanhado. As sobrecarregadas forças policiais, os tribunais apinhados de casos, a preocupação social mal-orientada e uma reação dos penologistas contra a prisão, à base de que deixa de reabilitar, fornece aos criminosos a margem favorável — e dá à sociedade uma posição desvantajosa.”
Pornografia e Crime
◆ O Primeiro-Ministro da Suécia, Olof Palme, endossou uma campanha contra a pornografia em seu país. Seu governo está perdendo dinheiro porque os pornógrafos sonegam impostos. E o vício sexual causou agudo aumento nos crimes violentos. A Dinamarca, França, Grã-Bretanha, Alemanha Ocidental, Iugoslávia e Itália estão combatendo com rigor a exploração sexual. O tráfico de entorpecentes e o crime estão varrendo toda nação da Europa Ocidental em um índice alarmante.
Detectar Crimes Pelo Sangue
◆ O sangue de cada pessoa é tão distintivo que está sendo usado agora para identificar os transgressores da lei. Certo oficial dum laboratório da Inglaterra, em que foi montado equipamento para detectar o sangue, observou que é “teoricamente possível reduzir as suspeitas a uma só pessoa na terra”. As manchas de sangue podem ser classificadas em subsistemas dos grupos principais, subsistemas estes que, depois de cuidadosa análise, podem revelar o dono. Os criminosos que deixam rastros de seu sangue na cena do crime, bem como os motoristas que provocam acidentes e então fogem com o sangue de suas vítimas respingado por seus carros, podem ser mais facilmente apanhados. Esta técnica é considerada um grande passo na luta contra o crime.
Homossexuais Espalham a DV
◆ A doença venérea esta grassando pelo Canadá. Nos condados de Hamilton e Wentworth, em Ontário, possivelmente um terço da sífilis infecciosa é espalhada por homossexuais. Certo médico de Toronto, que se acha num programa de testes da DV, relatou quão rápido a doença se espalha entre promíscuos homossexuais: “Alguns destes homens tiveram sete ou oito contatos numa só noite. Havia incrível promiscuidade, e não se limitava a pessoas em uma área da sociedade. Havia clérigos, contadores, advogados, dentistas, médicos e operários.”
Efeito das Universidades
◆ Cerca de 25.000 estudantes que cursam 217 faculdades dos EUA receberam questionários a preencher. Suas respostas revelaram os efeitos da educação superior sobre seu modo de pensar. A faculdade modificara seu comportamento e o conceito de si. Mais óbvias de todas eram as mudanças em relação a beber mais, fumar, hábitos irregulares de dormir, atividades políticas e uma redução muitíssimo destacada de sua dedicação à religião.
Línguas Científicas
◆ O alemão foi por muito tempo usado nas comunicações científicas. Na entrada deste século, começou a ser substituído pelo inglês. O alemão é agora a terceira língua. O russo é a segunda.
Dividida a Igreja Holandesa
◆ Agudas diferenças assolam a Igreja Católica Romana nos Países-Baixos. Os conservadores e os liberais estão brigando por questões de controle da natalidade, celibato, interpretação da Bíblia, e o papel dos leigos e das mulheres na igreja. As tensões atingiram um auge numa reunião de três dias com um representante do Vaticano. O enviado papal, ao ouvir ser severamente criticado o bispo de Limburgo, nomeado pelo papa, por causa de sua maneira de governar a diocese, abandonou irado a conferência. Foi-lhe pedido que voltasse ao seu lugar visto que todo o mundo na conferência estava livre para expressar suas opiniões’. Ele replicou: “E eu estou livre para ir embora.”
Custosa a Desonestidade dos Empregados
◆ A indústria de construções sofre graves perdas devido à desonestidade dos empregados. Os roubos no ano passado, apenas na cidade de Nova Iorque, atingiram a soma de Cr$ 19,5 milhões. A promotoria pública calculou o total em Cr$ 65 milhões. Grande parte dos roubos é feita pelos operários. Pensa-se que alguns cooperam com o crime organizado. Um novo trator de esteiras de Cr$ 175.500,00 foi retirado duma construção certo dia e vendido no dia seguinte por Cr$ 48.750,00. Uma pesada betoneira acorrentada a uma viga-mestra no 15.° andar do Centro de Comércio Mundial desapareceu durante a hora do almoço. Um alto carretel de cabo, de 4,50 metros de altura, desapareceu pouco depois de ser entregue. E uma máquina de 4.000 quilos foi retirada de uma construção por meio duma barcaça. A Industrial Magazine (Revista Industrial) relata que os empregados na Inglaterra roubam mais de Cr$ 13 milhões de itens por dia. Disse certo gerente de fábrica: “A segurança pode envolver tanta papelada que se chega à situação ridícula em que se torna mais custoso evitar os latrocínios do que deixá-los continuar.”
Nasce Uma Cidade em Moçambique
◆ O jornal de Moçambique, Notícias da Beira, recentemente publicou dois artigos sobre as vítimas da perseguição religiosa em Malaui. Muitos dos que foram perseguidos ali se acham agora localizados em Moçambique, logo a oeste da fronteira de Malaui. Um dos artigos trazia a manchete: “Mais de 17.000 Testemunhas de Jeová Fizeram Nascer Pequena Cidade.” Comenta o repórter: “Casas construídas com simplicidade, mas imaculadas em sua aparência, separadas por pequenos jardins, cheios de flores e cercadas de muros de barro vermelho, podem ser vistas. A mesma aparência de cuidado e de limpeza podia ser observada dentro das casas, todas providas de banheiros. Vimos oficinas de sapateiros e de escultores de madeira. E vimos trabalhos dignos de exibição numa galeria de arte. O número de refugiados aumenta constantemente. Alguns deles tencionam trabalhar nas terras de lavoura. Outros reassumirão suas antigas profissões. Serão úteis ao país que os aceitou. As ‘testemunhas de Jeová’ têm médicos que cuidam da saúde de sua comunidade. Mais de 1.000 pessoas são tratadas cada dia. Mais de quarenta partos são feitos cada dia.’ Descreve-se um Salão do Reino, ‘construído de reboque e caniços’, e o repórter observou que eram realizadas reuniões ‘todo dia quando se aproxima a noite’. Chama esta de “uma cidade que nasceu subitamente, como se tivesse surgido da terra”, tendo a fé como seu alicerce. “Respira paz, paz apenas interrompida pelos ruídos dos . . . veículos que os trouxeram a este exílio religioso.”

Nenhum comentário: